Capacitação

Abertas as inscrições para Residência em Medicina de Família e Comunidade e em Oftalmologia da Fesp



Estão abertas as inscrições para os programas de Residência em Medicina de Família e Comunidade e em Oftalmologia da Fundação Escola de Saúde Pública de Palmas (Fesp), desenvolvidos pelo Programa Integrado de Residência em Saúde (PIRS), por meio da Comissão de Residência Médica do Sistema Integrado Saúde Escola do SUS (Coreme/SISE-SUS). Os interessados deverão se inscrever, exclusivamente, via internet, até o dia 31 de janeiro, através deste link. A isenção do pagamento de taxa pode ser solicitada, por meio de formulário próprio, até sexta-feira, 14, clicando aqui. Confira o Edital.

Ao todo, estão sendo ofertadas 21 vagas, sendo 20 para o Programa de Residência em Medicina da Família e Comunidade e uma vaga para o Programa de Residência em Oftalmologia. Para participar é preciso ter concluído o curso de graduação plena em Medicina, em instituições credenciadas pelo Ministério da Educação (MEC) e ter situação regularizada junto ao Conselho Regional de Medicina do Estado do Tocantins (CRM-TO). Os candidatos graduados no exterior, deverão apresentar diploma revalidado por Universidade Pública brasileira, registro no CRM-TO e atendimento ao disposto na Resolução N° 1.832/2008, de 25/02/2008, do Conselho Federal de Medicina (CFM).

Carga-horária


O Programa de Residência em Medicina de Família e Comunidade terá a duração de 24 meses, com carga horária total de 5.760 horas, distribuídas em 60 horas semanais, sendo 1.152 horas (20%) de atividades teóricas e 4.608 horas (80%) de atividades práticas. Já o de Residência em Oftalmologia terá a duração de 36 meses, com carga horária total de 8.640 horas, distribuídas em 60 horas semanais, sendo 1.728 horas (20%) de atividades teóricas e 6.912 horas (80%) de atividades práticas.

Cenário de prática

Os aprovados em Medicina de Família e Comunidade irão atuar nas Unidades de Saúde da Família (USFs); nas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs Norte e Sul); nos hospitais da rede estadual conveniados; e nos ambulatórios de especialidades nas policlínicas: Ambulatório de Atenção à Saúde Dr Eduardo Medrado (AMAS), Francisca Romana Xavier (Arno 31) e Complexo de Atenção (Taquaralto). Os ingressos da Oftalmologia desenvolvem suas atividades na Clínica Vision Laser, de Taquaralto.


Bolsa-auxílio

Os alunos regularmente matriculados nos Programas de Residência em Medicina de Família e Comunidade e em Oftalmologia terão direito à bolsa do Ministério da Saúde no valor de R$ 4.106,09, podendo este valor ser revisado/reajustado, conforme legislação pertinente e vigente. Poderão concorrer ainda, a uma bolsa-auxílio do Programa Municipal de Bolsa de Estudo e Pesquisa para a Educação pelo Trabalho (PET Palmas). 



TWITTER
MAIS LIDAS
RECOMENDADAS