Concursos

Concurso IBGE Recenseador e Agente 2021 é suspenso


Foto:Divulgação

O concurso IBGE para Recenseador e Agente Censitário foi suspenso em razão da redução de 96% do orçamento no exercício de 2021 do Instituto. As provas, marcadas para o mês de abril, não serão aplicadas.

O orçamento do IBGE para 2021, que era de R$2 bilhões, foi reduzido para R$71 milhões, devido à aprovação do Congresso. Não é a primeira vez que um concurso do IBGE é cancelado por causa do orçamento.

Um processo seletivo com 208.695 vagas para Agente Censitário e Recenseador foi cancelado em 2020, por causa da redução de 25% no orçamento (R$3,1 bilhões para R$2,3 bilhões).

De acordo com o comunicado publicado no site do Cebraspe, o IBGE e o organizador do certame esperam um posicionamento do Ministério da Economia sobre o orçamento do Censo Demográfico.

Como fica a situação dos inscritos?

Como o concurso não foi cancelado, não haverá devolução da taxa de inscrição, pelo menos por enquanto. Quem se inscreveu precisará acompanhar os comunicados publicados no site do Cebraspe, nos seguintes links: Recenseador e Agente Censitário.

Número de vagas

São 204.307 vagas temporárias por 30 dias divididas em dois editais. O edital 01/2021 traz 5450 vagas de ensino médio para Agente Censitário Municipal e 19.959 vagas para Agente Censitário Supervisor.

O edital 02/2021 tem 181.898 vagas de ensino fundamental para Agente Censitário.

A remuneração é de R$1.700,00 para Recenseador, R$2.100,00 para Agente Censitário Municipal e R$5.400,00 para Agente Censitário Supervisor. A jornada de trabalho é de 40 horas semanais, exceto para Recenseador é de 25 horas semanais.

A contratação dos Agentes aconteceria em 31 de maio e do Recenseador em julho.

O trabalho começaria em agosto deste ano nos 5571 municípios do Brasil. A estimativa era que 213 milhões de pessoas em 71 milhões de endereços seriam entrevistadas pelos Recenseadores durante os meses de agosto e outubro. 
TWITTER
MAIS LIDAS
RECOMENDADAS